A Festa de 2012 no Clube de Grande-Fundo da Benedita

O nosso Clube de Grande-Fundo é pequeno em número mas enorme na sua dimensão humana. Este ano participaram 17 columbófilos. Teve início em 2008 e reúne um grupo de irredutíveis Beneditenses (7) e uns poucos de amantes da longa distância doutras paragens (10) liderados por alguém que nunca duvidou em continuar a liderar este grupo. Bem teve algumas hesitações, mas nada que fosse para sempre :D, e ainda bem. Em caso de dúvida lá estão sempre os restantes elementos em apoio anual constante reconduzindo novamente à liderança o ideólogo de tudo isto que apenas exige que comamos e bebamos todos os anos o que nos é preparado. Acreditem que não é tarefa simples.

Este ano tinham-se negociado uns galos criados nos Campos do Lis ao quais se juntaram outros criados em Évora de qualidade quase inigualável. Da sombra da Serra dos Candeeiros junta-se voluntariamente um borrego criado pelo Armando ou pelo Costa. O vinho é sujeito a várias provas até à decisão final ao qual se juntam cerveja, digestivos, café, sobremesas e água para cozinhar.

convivas.jpg
convivas_II.jpg

O motivo de tudo isto?. Por um lado celebrar um ano de trabalho com os pombos pensando em enviar a Igualada/Barcelona e em participar na nossa festa, por outro a amizade entre os presentes e acima de tudo celebrar as aves que nos tiraram várias noites de sono quer pela felicidade de as ver regressar quer pelo desespero de dia após dia irmos ao pombal com a grande esperança de ver mais algum à nossa espera. Nunca sabemos se nos sentimos mais felizes pelo regresso dos primeiros ou dos últimos, e por isso somos columbófilos. O gosto por estas provas e por estes pombos unem-nos à mesma mesa.

as_libras.jpg

Para pertencer ao Clube cada elemento tem que ler e aceitar as regras do mesmo. Existe troféu para todos os concorrentes classificados nos 20% dos pombos enviados. Em relação aos pombos: o 1º ganha uma libra de ouro, 2º e 3º 1/2 libra de ouro e do 4º até 10% dos enviados 2 pesos e 1/2 em ouro.

O leilão é outro momento alto da festa. Cada columbófilo deve leiloar os seus pombos e descrever o historial dos seus progenitores, enaltecendo a proeza dos pais do borracho e de todos os seus antecessores. Aqui encontramos o que não se encontra em mais lado nenhum neste país: muitos borrachos filhos, netos etc de pombos que fizeram o Igualada/Barcelona nos 10% dos enviados, havendo mesmo repetentes da prova.
A tradição tem destas coisas, e acreditem que a valorizamos pois os 14 pombos a leilão renderam 1425 €. Os borrachos em leilão são oferecidos pelos columbófilos que recebam troféu (de linhas de Grande-Fundo) e/ou tenham pombo premiado (neste caso deve oferecer preferencialmente um filho ou irmão do pombo em causa).

leilao_vencedor.jpg
acordionistas_sota.jpg

Este ano a organização excedeu-se e nem a música nos faltou através da contratação de 2 acordionistas de nomeada que lá arranjaram tempo para aparecerem na nossa festa.

Tivemos também algumas visitas que deixaram a promessa de futura participação no clube. Acredito que ninguém sai daqui sem vontade de no ano seguinte enviar à prova Raínha.

A realidade é que não podemos parar. Neste momento até na escola já existem miúdos a preparar o Barcelona de 2014 (mais uma dor de cabeça). O meu agradecimento muito especial a todos os que nos recebem na sua terra e fazem dela a nossa terra, não esquecendo a Dª Maria que tanta paciência tem para aturar festas de pombos :). É difícil fazer melhor. Sr. Presidente, e amigo, para o ano lá estaremos outra vez.

classifica_benedita.jpg

hit counter

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License